SliTaz GNU/Linux official and community documentation wiki.
.png

Differences

This shows you the differences between two versions of the page.

Link to this comparison view

Both sides previous revision Previous revision
Next revision
Previous revision
pt:handbook:commands [2010/02/22 00:52]
claudinei
pt:handbook:commands [2015/07/15 02:31] (current)
genesis
Line 3: Line 3:
 ===== Introdução aos comandos ===== ===== Introdução aos comandos =====
  
-Este documento é planejado como uma referência rápida para usar comandos no SliTaz por um terminal Linux ou um terminal gráfico (xterm). Existem muitos comandos GNU/Linux para manipulação de arquivo, manutenção de sistema ou administração de rede. Você também pode navegar na internet, conversar no IRC, baixar arquivos, editar scripts ou até mesmo jogar em modo de texto. Note que é necessário operar como root (administrador) para montar o disco rígido ou cdrom. Você pode usar o comando //su// para se tornar o administrador do sistema.+Este documento é planejado como uma referência rápida para usar comandos no SliTaz por um terminal Linux ou um terminal gráfico (xterm). Existem muitos comandos GNU/Linux para manipulação de arquivo, manutenção de sistema ou administração de rede. Você também pode navegar na internet, conversar no IRC, baixar arquivos, editar scripts ou até mesmo jogar em modo de texto. Note que é necessário operar como root (administrador) para montar o disco rígido ou cdrom. Você pode usar o comando //su// para se tornar o administrador do sistema. ​
  
 ===== Ajuda e lista dos comandos disponíveis ===== ===== Ajuda e lista dos comandos disponíveis =====
Line 60: Line 60:
  
 <​code>​$ cp -a Templates /​home/​tux</​code>​ <​code>​$ cp -a Templates /​home/​tux</​code>​
 +
 +===== Mova (e renomeie) arquivos e diretórios =====
 +
 +O comando //mv// copia o conteúdo de um arquivo para dentro de um novo arquivo, e então apaga o arquivo original:
 + 
 +<​code>​ $ mv arquivo1 arquivo2 </​code>​
 +
 +Ele também pode renomear diretórios (desde que o novo nome de diretório já não exista):
 +
 +<​code>​ $ mv ~/Documents ~/Docs </​code>​
 +
 +Mover arquivos (e diretórios) para um novo diretório:
 +
 +<​code>​ $ mv arquivo1 arquivo2 diretorio1 diretorio2 ~/Documents </​code>​
 +
 +===== Crie um novo arquivo =====
 +
 +O comando //touch// cria um novo arquivo vazio:
 +
 +<​code>​ $ touch novoarquivo </​code>​
  
 ===== Crie um novo diretório ===== ===== Crie um novo diretório =====
Line 84: Line 104:
  
 <​code>​$ rm -rf /​home/​tux/​Templates</​code>​ <​code>​$ rm -rf /​home/​tux/​Templates</​code>​
 +
 +<note important>​ Tenha cuidado ao usar esta opção. Ela apagará tudo sem perguntar! </​note>​
  
 Note que você também pode usar a opção //-i// para remover arquivos ou diretórios e o seu conteúdo de forma interativa: Note que você também pode usar a opção //-i// para remover arquivos ou diretórios e o seu conteúdo de forma interativa:
Line 142: Line 164:
 <​code>​$ retawq http://​localhost/</​code>​ <​code>​$ retawq http://​localhost/</​code>​
  
-Converse no IRC+===== Converse no IRC =====
  
 Para discutir e transferir arquivos pelos muitos servidores de IRC disponíveis,​ o SliTaz provê o aplicativo Rhapsody. Este cliente de IRC é simples, rápido e leve, fornecendo um menu de configuração em ncurses agradável e fácil de controlar. Para iniciar o aplicativo de um terminal conectado ao servidor (irc.toile-libre.org) e entrar no canal #slitaz: Para discutir e transferir arquivos pelos muitos servidores de IRC disponíveis,​ o SliTaz provê o aplicativo Rhapsody. Este cliente de IRC é simples, rápido e leve, fornecendo um menu de configuração em ncurses agradável e fácil de controlar. Para iniciar o aplicativo de um terminal conectado ao servidor (irc.toile-libre.org) e entrar no canal #slitaz:
  
- $ rhapsody +<​code>​$ rhapsody 
- /​connect irc.freenode.net +/connect irc.freenode.net 
- /join #slitaz +/join #slitaz 
-Baixe arquivos+</​code>​
  
-Para baixar vários formatos de arquivo da internet, você tem o comando wget. Para baixar uma página html simples, os conteúdos de uma pasta ou um website inteiro:+===== Baixe arquivos =====
  
- ​$ ​wget http://www.slitaz.org/​pt/​doc/​handbook/​ +Para baixar vários formatos de arquivo da internet, você tem o comando //wget//​. ​Para baixar uma página html simples, os conteúdos de uma pasta ou um website inteiro:
-Liste as partições disponíveis+
  
-Para listar as partições em um disco rígido interno ou externo, você pode usar cat para exibir os conteúdos de /proc/partitions ou usar o utilitário fdisk com a opção -l, que significa lista (do inglês list)Você pode montar a/as partição/partições que deseja usar:+<​code>​$ wget http://www.slitaz.org/pt/doc/​handbook/</​code>​
  
- $ cat /​proc/​partitions +===== Liste as partições disponíveis =====
- ou : +
- # fdisk -l +
-Monte uma partição, CD ou drive USB+
  
-Para montar uma partição local no sistema de arquivos do SliTaznós recomendamos que você use diretório ​/mntExemplo criando o diretório necessário e montando ​a partição ​hda6 do primeiro disco rígido local em /mnt/hda6:+Para listar as partições em um disco rígido interno ou externo, você pode usar //cat// para exibir os conteúdos de ///​proc/​partitions//​ ou usar utilitário ​//fdisk// com a opção //-l//, que significa lista (do inglês list)Você pode montar ​a/as partição/partições que deseja usar:
  
- # mkdir -p /mnt/hda6 +<​code>​$ cat /proc/partitions<​/code>
- # mount -t ext3 /dev/hda6 /mnt/hda6 +
-SliTaz funciona carregado na memória RAM, então você pode montar o mesmo cdrom ou pode removê-lo para montar outro (/dev/cdrom é um link para o primeiro drive de cdrom). Note que um cdrom é uma mídia removível e deveria ser montado em /media:+
  
- # mount -t iso9660 /dev/cdrom /​media/​cdrom +ou:
-Para montar um drive flash ou USB você tem que especificar o sistema de arquivos apropriado. Normalmente um drive USB é formatado em FAT32 que pode ser lido em GNU/Linux e sistemas operacionais Windows. Em um sistema GNU/Linux ele geralmente é reconhecido como o dispositivo sda1 - nós faremos agora um link para sda1 no flash para facilitar a tarefa. Note que ele também é uma mídia removível e deveria ser montado em /media:+
  
- mount -t vfat /dev/flash /​media/​flash +<​code>​fdisk -l</code>
-Desligue ou reinicie o sistema+
  
-Para parar ou reiniciar o SliTaz, você pode usar os comandos halt, reboot ou a combinação de teclas <​Ctrl+Alt+Delete>​ que habilita uma reinicialização do sistema. No caso de qualquer problema você pode usar a opção -f, que significa forçado (do inglês, forced):+===== Monte uma partição, CD ou drive USB ===== 
 + 
 +Para montar uma partição local no sistema de arquivos do SliTaz, nós recomendamos que você use o diretório ///mnt//. Exemplo criando o diretório necessário e montando a partição //hda6// do primeiro disco rígido local em ///​mnt/​hda6//:​ 
 + 
 +<​code>#​ mkdir -p /mnt/hda6 
 +# mount -t ext3 /dev/hda6 /mnt/hda6 
 +</​code>​ 
 + 
 +SliTaz funciona carregado na memória RAM, então você pode montar o mesmo cdrom ou pode removê-lo para montar outro (///​dev/​cdrom//​ é um link para o primeiro drive de cdrom). Note que um cdrom é uma mídia removível e deveria ser montado em ///​media//:​ 
 + 
 +<​code>#​ mount -t iso9660 /dev/cdrom /​media/​cdrom</​code>​ 
 + 
 +Para montar um drive flash ou USB você tem que especificar o sistema de arquivos apropriado. Normalmente um drive USB é formatado em FAT32 que pode ser lido em GNU/Linux e sistemas operacionais Windows. Em um sistema GNU/Linux ele geralmente é reconhecido como o dispositivo sda1 - nós faremos agora um link para //sda1// no flash para facilitar a tarefa. Note que ele também é uma mídia removível e deveria ser montado em ///​media//:​ 
 + 
 +<​code>#​ mount -t vfat /dev/flash /​media/​flash</​code>​ 
 + 
 +===== Desligue ou reinicie o sistema ===== 
 + 
 +Para parar ou reiniciar o SliTaz, você pode usar os comandos ​//halt////reboot// ou a combinação de teclas <​Ctrl+Alt+Delete>​ que habilita uma reinicialização do sistema. No caso de qualquer problema você pode usar a opção ​//-f//, que significa forçado (do inglês, forced)
 + 
 +<​code>#​ halt</​code>​ 
 + 
 +Reiniciar:​ 
 + 
 +<​code>#​ reboot</​code>​ 
 + 
 +ou:
  
- # halt +<​code>​# reboot -f</​code>​
- ​Reiniciar : +
- # reboot +
- ou : +
- # reboot -f+